Tuesday, December 06, 2005

Khonnor: Handwriting


Khonnor tem apenas 17 anos e foi descoberto através da Internet. A sua música oscila entre o indie e a electrónica. Inspirado em nomes como Wonderboy, David Sylvian ou mesmo Sonic Youth combina a decadência com melancolia de uma forma soberba. Esta genialidade foi criada através de um PC e microfone caseiros. Triângulo perfeito entre guitarra voz e bateria.
Este é sem dúvida alguma um disco muito especial. Depois da primeira audição não há volta a dar-lhe. A melancolia que habita nesta edição é o resultado perfeito de uma interacção entre a voz, a guitarra e a electrónica. Uma das referências presentes é Christian Fennesz mas, com os devidos ajustes. Além disso, é duplamente especial, porque Connor Kirby Long nasceu no ano de 1986. Com 18 anos este é certamente um artista que deixa antever um futuro bem saudável para a electrónica.

1 comment:

cwe said...

Estás a falar destes Wonderboy?
The '90s power pop outfit Wonderboy consisted of members Robbie Rist (singer, guitar, keyboard), Pat McGrath (guitars, keyboards, vocals), Dave Brow (bass, vocals), and Paul "Wally" Presson (drums, percussion, vocals). Rist got his start with the band Paul Pope, who issued a pair of albums and toured, but eventually lost most of its members. Rist decided to carry on, enlisting a few other fellow Los Angeles musicians and changing the band's name. The quartet issued three releases for the Racer label during the mid- to late '90s: 1996's Abbey Road to Ruin, a self-titled release, plus 1997's Napoleon Blown Apart.